Chegamos no estádio as 10:00. Montamos o campo para obediência em 5 min. Desta vez a Priscila começou a obediência com o Oggun e o Sérgio foi para o ponto de distração com o Micha.
O Oggun fez um trabalho muito motivado e consistente até o Stay. Na busca do Halter no terreno plano, a velocidade de ida, a pegada do halter e  virada estão super, mas a velocidade de volta esta ruim. Fica muito discrepante da velocidade de ida. No obstáculo de 1m e na rampa este contraste não aparece, porém no terreno plano, fica bem evidente. 

A obediência do Micha também melhorou muito. Esta seguindo melhor o Sérgio e assumindo a posição básica de forma mais correta. Os halteres estão bem rápidos.

Eu treinei a condução, senta, deita, em pé, halteres no terreno plano e finalizei com o em frente.

Fizemos a proteção completa dos cães. O Micha se mostrou um touro. O cão tem muito impulso e consegue se refazer muito facilmente de seu cansaço. Está com um latido muito potente no biombo. Pressiona o figurante o tempo todo, inclusive nas guardas. Seu lançado está um tiro. Entrada violenta, segura e forte. Como disse anteriormente em outros posts, nossa missão é adequar tudo o que estamos descrevendo em uma obediência mais harmônica e com a menor quantidade de comandos ou ajudas corporais possível. Assim, teremos chances de conseguir um bom conceito na proteção!

O Oggun nitidamente mostrou cansaço ao chegar no último biombo. Os latidos saíram fraco. Nas fases de luta mostrou-se melhor. Mas novamente deu sinal que iria fazer o larga no final das fases de pressão. Fiz algumas paradas falsas, porém como estava cansado, acabou não fazendo o que pretendíamos. Vida cruel!!!!!….

Definitivamente os cães precisam ter um trabalho de condicionamento físico muito melhor. Não dá para obter isto somente treinando a rotina de nosso esporte. Eles precisam desenvolver uma capacidade cardiovascular muito maior, do contrario sentimos uma desaceleração muito grande dentro dos exercícios ou até mesmo a falta de vontade de trabalhar. Fica a dica!!!

O Edgar fez a proteção do Euro. Fiz a batida dos biombos e focamos no late e revista, fuga e lançados.

Eu trabalhei o Nike (novo mali do Edgar) no biombo, exercício de fuga, controle na condução e encerramos com alguns lançados. 

Leave a Reply

Your email address will not be published.